• Cadê os omeletes?

    por Frei Betto No final da década de 1920, o escritor romeno Panait Istrati visitou a União Soviética. Testemunhou, horrorizado, os expurgos de Stálin. Um dirigente comunista tentou convencê-lo de que era necessário o uso de tanta violência para construir o socialismo: “não se pode fazer omeletes sem quebrar os ovos”. O romeno retrucou: “de acordo. Vejo ovos quebrados. Mas onde estão os

    Ler mais