• Alerta à classe média

    por Frei Betto A classe média é a salsicha do sanduíche da desigualdade social. Ela sobe uma rampa ensaboada: quanto mais se esforça para atingir o topo, mais escorrega para baixo. Trata-se de uma classe híbrida, com variados perfis. Há quem já tenha nascido na classe média, filho de profissionais liberais. Há os que vieram da classe assalariada ou da zona rural e

    Ler mais

  • As eleições e as opções dos trabalhadores

    por Elaine TavaresLutas ainda são pontuais, mas tendem a crescerVivo na política desde bem pequena. A ditadura militar foi vivida na pele. Meu pai era trabalhador na rádio do João Goulart em São Borja. A política, então, sempre correu no sangue. A grande política. O debate dos projetos. A certeza de que tinha de ficar sempre do lado dos trabalhadores. A consciência de

    Ler mais

  • Os furos da Lava Jato

    por Frei Betto A corrupção é inerente à história humana. Até no grupo de apóstolos escolhidos por Jesus havia um corrupto: Judas Iscariotes. E quantos de nós podem dizer com sinceridade que nunca furtaram uma manta de avião, sonegaram o imposto de renda, embolsaram o troco excessivo entregue por engano pela caixa do supermercado? A corrupção decorre da impunidade e da imunidade. Impunidade

    Ler mais

  • Brasil entrega riquezas do pré-sal

    por Elaine Tavares A Petrobras é uma empresa que nasceu nos anos 50 justamente para garantir que o monopólio do petróleo ficasse sob o controle do estado brasileiro. Naqueles dias de 1953 o país viveu uma poderosa campanha tanto do lado de quem queria entregar o petróleo brasileiro para as empresas estadunidenses, quanto para os que se somavam ao grito de “o petróleo

    Ler mais

  • O Brasil, os caminhoneiros e a política

    por Elaine Tavares Quando em 2013 a direita foi às ruas houve uma surpresa geral. Havia muito tempo que esse campo não travava batalhas no campo aberto. Sua tática, desde o golpe de 1964, era a das salas acarpetadas, dos acordinhos espúrios, da pressão via dinheiro. Mas, tampouco o país tivera na direção alguém identificado  com os trabalhadores. Lula e depois Dilma vinham

    Ler mais

  • A grande falha da Lava Jato

    por Carlos Castilho A mais polêmica iniciativa de combate a corrupção no Brasil está produzindo centenas de culpados e muitas revelações impactantes, mas raras alterações nas brechas politicas, jurídicas e institucionais que permitem a institucionalização do caixa 2 eleitoral e da lavagem de dinheiro ilegal. Ainda falta avançar muito na desmontagem do sistema baseado na corrupção e que condicionou a vida política do

    Ler mais

  • sindicato necessidade

    Precisa-se de sindicato

    por Elaine Tavares Há um filme francês, “Dois dias, uma noite”, que conta a saga de uma mulher trabalhadora, demitida, e que precisa pedir a ajuda dos colegas para poder permanecer no emprego.  A proposta do patrão é de que ela convença os colegas a abrir mão de um bônus. Assim, em vez de pagar o bônus aos demais trabalhadores ele a manteria

    Ler mais

  • Não há direito à comunicação e à informação veraz no capitalismo

    por Elaine Tavares Uma coisa precisa ficar muito clara: no modo capitalista de produção não há espaço para o direito à comunicação das gentes. Desde que se consolidou esse sistema de busca na comunicação massificada apenas se consolidou uma forma de manipular as informações e formar consciências mansas para a dominação.  Lá nos albores do capitalismo, o escritor francês Honoré de Balzac, no

    Ler mais

  • trabalho marx

    A desumanização do trabalhador

    por Elaine Tavares Para o capital, o trabalhador é um não-ser. E, não sendo, não precisa de cuidado, nem de nada. Sua função, nesse modo de produção, é gerar lucro para um grupo muito pequeno da sociedade. E ponto final. Se ele morre, outro o substitui. É uma peça na máquina. Uma mercadoria, como outra qualquer, que pode ser adquirida a preço muito

    Ler mais

  • Sobre o jornalismo e a fabricação de consenso

    por Elaine Tavares Nos anos 80, Noam Chomsky e Edward Herman escreveram um livro sobre a economia política dos meios de comunicação no qual mostraram que os meios, na verdade, se utilizam de um modelo de propaganda para a fabricação de um consenso sobre os fatos. Não há jornalismo, o que há é uma bem urdida trama para convencer a sociedade de que

    Ler mais

  • O que quer dizer populismo?

    por Luiz Gonzaga Belluzzo, na Carta Maior  O filósofo italiano Bifo Berardi não deixa barato: ‘A palavra populismo, muito usada nestes tempos, é uma fraude. Não explica coisa nenhuma’ Em entrevista recente ao Estadão, o ex-presidente Fernando Henrique valeu-se da expressão “populismo” para estigmatizar os eleitores dos adversários. Meu professor de Sociologia juntou-se à turma que manda e desmanda no mundo da globalização,

    Ler mais

  • vacina febre amarela

    Febre amarela de volta

    por Elaine Tavares Nada no mundo humano é por acaso. Então, qual o motivo do estado de São Paulo estar vivendo um surto de febre amarela, uma doença que supostamente estava sob completo controle no Brasil, sem casos urbanos desde 1942? Essa é uma pergunta que não vemos nos meios de comunicação. Os noticiários mostram o caos nos postos de saúde paulistas, com

    Ler mais

  • palestinos

    Jerusalém e a memória da dor

    por Elaine Tavares Era 14 de maio de 1948 quando a Organização das Nações Unidas decidiu criar por decreto o estado de Israel, dividindo o território ocupado pelos palestinos em dois, com a participação decisiva do brasileiro Osvaldo Aranha, então representante brasileiro na ONU. Foi por conta de uma manobra feita por Aranha que a votação aconteceu e deu vitória ao sionismo. Segundo

    Ler mais

  • Ricos pagam menos impostos

    por Frei Betto O Brasil tem, hoje, 206 milhões de habitantes. Toda a estrutura do Estado, dos tribunais aos recursos para programas sociais, é mantida pelos impostos pagos por 27 milhões de brasileiros. Portanto, pouco mais de 10% da população sustenta, com seus tributos, todo a máquina pública, dos hospitais do SUS aos jantares oferecidos por Temer no Alvorada. Dos 27 milhões de

    Ler mais

  • Nada como um dia após o outro

    por Guilherme Scalzilli Sumiram os paneleiros, as camisetas amarelas, as festas midiáticas da cidadania. Acabaram os grampos nas celas curitibanas e o tráfico policial de informações sigilosas. O STF não ordena mais a prisão de parlamentares, que desistiram de zelar pela idoneidade presidencial. Tampouco as tevês divulgam flagrantes com teleobjetiva das intimidades palacianas. Desapareceu o pessimismo cataclísmico dos colunistas. Até as vinhetas radiofônicas pedindo o fim

    Ler mais

  • rocinha rio de janeiro

    Quem se importa com a Rocinha?

    por Elaine Tavares A lógica é a do espetáculo. Com as câmeras de televisão e os repórteres da mídia comercial subindo o morro junto com os policiais, o que vemos é uma profusão de soldados que agora vão salvar a comunidade da bestialidade dos traficantes. E durante dias, o discurso é o mesmo: bandidos estão em guerra na favela, policiais são chamados para

    Ler mais

  • palocci delação

    A delação de Palocci e o dilema do PT

    por Frei Betto Deixou-me um sentimento de profunda tristeza a delação do ex-ministro Palocci. Em Ribeirão Preto, ele iniciou sua militância na pastoral juvenil da Igreja Católica. Depois, atuou no movimento trotskista e ingressou no PT, graças ao qual fez uma carreira política meteórica: vereador e duas vezes prefeito de Ribeirão Preto (SP), deputado estadual em São Paulo, ministro da Fazenda do governo

    Ler mais

  • A urgência de ocuparmos às ruas já

    por Fernando do Valle Muito se especula sobre a ausência de protestos significativos nas ruas neste momento em que a cletptocracia liderada pelo presidente Temer opera livremente em prol de interesses escusos em conluio com o Congresso, ambos sem o mínimo compromisso com os interesses da maioria dos brasileiros. As explicações pipocam: o recrudescimento da violência policial nos protestos, o interesse do PT

    Ler mais

  • Rombo da Previdência ignora sonegadores

    por Frei Betto A Reforma da Previdência proposta pelo governo Temer retira direitos dos trabalhadores para defender privilégios dos empregadores e do capital. Se o governo precisa de recursos, por que não pôr fim às desonerações concedidas a bancos, agronegócio e empresas? Desonerar é dispensar de pagar impostos. Por que não cobra as multas devidas por fazendeiros flagrados por adotar trabalho escravo em

    Ler mais

  • esquerda unida protesto

    A união da esquerda progressista em prol de um projeto nacional de desenvolvimento

    O agravamento da crise política demanda a aliança entre PDT, PT PCdoB e PPL em busca de saídas reais para o imbróglio em que o país está afundado por Cássio Moreira Os golpes, sejam eles civis, militares ou parlamentares tem o efeito de tornar evidente o embate entre projetos. Os de 1964 e o de 2016 serviram para mostrar como projetos radicalmente antipopulares só

    Ler mais

  • Sérgio Moro e os sonâmbulos ideológicos

    por Guilherme Scalzilli Tanto a base material quanto a estrutura argumentativa da sentença de Sérgio Moro contra Lula são pobres, indignas dos recursos empregados no inquérito. Em resumo, e passando ao largo da sintomática verborragia defensiva do juiz, a condenação usa indícios e ilações que a lei brasileira não aceita como elementos probatórios. Chego a duvidar de que existam precedentes similares envolvendo réus

    Ler mais