27 de fevereiro Lawrence Durrell

E Santos fez Lawrence Durrell lembrar de Rimbaud

Em dezembro de 1948, o romancista, poeta e dramaturgo indo-britânico Lawrence Durrell visitou a cidade de Santos. Na época, ele trabalhava como diretor do Conselho Britânico na cidade de Córdoba, na Argentina, e veio ao Brasil a trabalho.

 O escritor Lawrence George Durrell nasceu em 27 de fevereiro na cidade de Jullundur, norte da Índia (próximo ao Tibete) e morreu em 7 de Novembro de 1990 no sul da França. 

27 de fevereiro Lawrence Durrell
Durrell visitou a cidade de Santos em 1948

Sobre sua experiência em solo brasileiro, Durrell escreveu para seu amigo, o também escritor Henry Miller. Ambos conheceram-se em 1934. Durrell adorou o romance Trópico de Câncer, de Miller, e escreveu uma carta tecendo loas ao livro. Os dois foram amigos por mais de cinco décadas. Na carta sobre Santos, Durrell escreveu:

“A carregar num porto tropical que podia muito bem servir para ilustrar Rimbaud na última fase. Silêncio, bruma, enormes montanhas. Tudo isto é muito diferente do que acabamos de deixar ­- o Rio [de Janeiro] construído como um grande e radiante órgão, as Montanhas do Órgão como tubos, a cidade com arranha-céus correndo à margem dessas montanhas termiteiras em forma de pão-de-açúcar… Penso que você iria gostar do Rio. Ficar sentado nos cafés e tomar uma água de côco, diretamente do fruto verde… Encontro-me sentado no convés a ler o Hamlet de Laforgue que não podia ser mais apropriado para o que sentimos todos, nas nossas almas dissecadas de europeus, diante desta imensidade e exuberância. O Brasil é maior que a Europa, mais selvagem que a África e mais estranho que a Terra de Baffin [maior ilha canadense].”

27 de fevereiro henry miller lawrence durrell
Henry Miller (à esquerda) e Lawrence Durrell em 1962

Leia texto sobre a admiração de Henry Miller pelo pensador indiano Krishnamurti

Filho de pai britânico e mãe irlandesa, aos 11 anos, Durrell deixou a Índia e foi estudar na Inglaterra. Em 1935, cansado do frio na Inglaterra e com seu desejo incansável de viajar, convenceu sua primeira esposa, Nancy Myers, e mudaram-se para a cidade grega de Corfu.

Depois de viver um período no Cairo, Egito, mudou-se, em 1942, para a cidade de Alexandria, também no Egito. Mas foi no Chipre, onde sobrevivia dando aulas de literatura inglesa, que Durrell começou a escrever sua obra mais conhecida, O Quarteto de Alexandria. Durrell morreu em 7 de novembro de 1990.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: