• Vida e morte de Pasolini

      A polêmica morte do cineasta Pier Paolo Pasolini é alvo de especulação até hoje. No dia 2 de novembro de 1975, na praia de Ostia, segundo a polícia, Pasolini foi assassinado pelo jovem Pino Pelosi. Cineasta, jornalista, escritor e poeta, Pasolini filmou, entre muitos outros, Mamma Roma (1962), Saló (1975) e Teorema (1968). Homossexual assumido, Pasolini tinha o hábito de namorar jovens

    Ler mais

  • 20 anos sem Fellini

        Fellini contava sempre a história de sua fuga com o circo quando criança. Isso nunca aconteceu. ‘O mundo Fellini’, paralelo e particular, perdeu seu criador há 20 anos. Em 31 de outubro de 1993, em Roma, morria Federico Fellini, aos 73 anos. A Mostra Internacional de Cinema de São Paulo termina hoje com a exibição em três salas do mezzo documentário, mezzo

    Ler mais

  • Orson Welles e seus extraterrestres

      Em 30 de outubro de 1938, cerca de um milhão de americanos acreditou que o país tinha sido subjugado por alienígenas. Em algumas cidades como São Francisco e Nova Jersey, as linhas telefônicas ficaram sobrecarregadas, os congestionamentos tomaram às ruas e muitos saíram de suas casas com toalhas cobrindo os rostos para se protegerem dos gases venenosos dos ‘invasores’. O responsável pelo

    Ler mais

  • “Obama é uma víbora”

      Crítico frequente da política externa norte-americana, o diretor Oliver Stone declarou em entrevista recente no Japão: “Obama é uma víbora e nós temos que nos voltar contra ele”, referindo-se aos escândalos de espionagem do governo norte-americano. Na última semana, o jornal britânico The Guardian revelou que 35 líderes mundiais foram alvos de escutas do governo norte-americano. A fonte mais uma vez foi

    Ler mais

  • O manifesto antropófago de Oswald de Andrade

        (atualizado em 22 de outubro de 2014) O Manifesto Antropófago foi publicado no primeiro exemplar da Revista de Antropofagia, em 1928. O Manifesto seguiu-se ao Manifesto do Pau-Brasil, de 1924. No manifesto de 1924, Oswald já enfatizava a necessidade de criar uma arte baseada nas características do povo brasileiro, com absorção crítica do que vinha sendo produzido de inovador na cultura

    Ler mais

  • Dia do poeta

      Ontem (dia 20 de outubro), foi celebrado o Dia dos Poetas. Leia poema de nosso colaborador, o poeta Marco Piantan, em homenagem ao dia:   Obrigado a todos os poetas Que dividiram seus infortúnios e alegrias comigo Que me fizeram companhia quando estava sozinho E nas noites mais sombrias Não me deixaram desistir de sonhar   Em suas almas torturadas pude me

    Ler mais

  • Os mistérios da madame Blavatsky

    Reza a lenda que a maga Blavatsky possuía vários amigos invisíveis e se irritava com sua família e os criados quando eles não davam atenção a eles. Filha de nobres, a ucraniana Helena Blavatsky, fundadora da Sociedade Teosófica, apresentou dons psíquicos desde criança. Escritora, teóloga e filósofa, Elena Petrovna von Hahn (30 de julho 1831 – 8 de maio 1891) teve educação refinada

    Ler mais

  • Mostra Internacional de Cinema começa no dia 18

      A 37ª Mostra Internacional de Cinema começa na sexta (dia 18) e exibirá nesse ano impressionantes 350 filmes em 20 salas da capital paulista. O evento contará também com eventos gratuitos como a projeção de longas no vão livre do Masp, na FAAP e na Matilha Cultural, entre outras. A Mostra homenageará três diretores: o britânico Stanley Kubrick, o brasileiro Eduardo Coutinho

    Ler mais

  • Por onde anda el sub?

      Com o rosto coberto com o pasamontañas (talvez o precursor dos lenços que escondem os rostos dos black blockers em todo o mundo) e seu inseparável cachimbo, o subcomandante Marcos  invadiu o imaginário político nos anos 90. Nos dias atuais, a mídia ignora completamente el sub e o EZLN (Exército Zapatista de Libertação Nacional), do qual é o principal líder. A luta

    Ler mais

  • Krishnamurti, por Henry Miller

        “Veja o que se passa no mundo. Os fortes, os violentos, os poderosos, os homens que usurpam e exercem o poder sobre os outros estão no topo; no sopé estão os fracos e mansos, que lutam e se debatem. Em contrapartida, pense na árvore, cuja força e glória provêm de suas raízes profundas e ocultas; no caso da árvore, o topo

    Ler mais

  • Epivanias lembra obra de Roberto Piva

      Entre os dias 16 e 20 de outubro, o ciclo de atividades Epivanias celebrará o poeta Roberto Piva. Se tivesse vivo, no dia 25 de setembro, Piva teria completado 76 anos. Veja texto sobre Piva em texto Zonacurva. O Epivanias contará com debates, palestras, shows, perfomances, exibição de filmes e leituras em vários locais de Sampa. O texto do evento   explica melhor: “descentralizando

    Ler mais

  • A caçada a Lamarca

    Depois de caminhar por mais de 300 quilômetros, o guerrilheiro Carlos Lamarca foi assassinado em 17 de setembro de 1971 por agentes da ditadura militar no sertão baiano. No comando da patrulha que assassinou Lamarca, estava o major Nilton Cerqueira, que, anos mais tarde foi eleito deputado federal e trabalhou como secretário de Segurança do Rio de Janeiro. Um dos comandantes da VPR

    Ler mais

  • 11 de setembro, por Ken Loach

    Produzido em 2002, 11’9”01 Semptember 11 é composto por 11 curtas de diferentes diretores sobre o atentado nos Estados Unidos. O episódio de Ken Loach traça um paralelo entre o 11 de setembro chileno e o norte-americano. A ditadura de Augusto Pinochet foi iniciada há exatos quarenta e um anos com um golpe militar que assassinou o presidente eleito Salvador Allende, em 1973,

    Ler mais

  • Martírio no claustro

    Outro dia, vi alegres freirinhas vendendo pães caseiros pelo bairro e imaginei quem escolhe tornar-se freira hoje em dia. Algumas possibilidades: tímidas interioranas, adolescentes manipuladas por mães e avós religiosas ou moças pobres e/ou idealistas. Mesmo as mais convictas noviças teriam suas certezas abaladas se lessem o clássico A Religiosa, do dramaturgo e romancista Denis Diderot, lançado em 1796, após sua morte. Estamos

    Ler mais

  • Fausto Wolff: saudades do velho lobo

    Gaúcho de Santo Ângelo e carioca por opção, o jornalista e escritor Fausto Wolff era o pseudônimo de Faustin von Wolffenbüttel. O seu amigo e sempre preciso Millôr Fernandes o definiu assim: “Fausto Wolff, em toda parte, procurou e conviveu com os da sua estirpe – escritores, cineastas, poetas e grã-finas. E com os da sua laia – bêbados, putas e brigões”. Lembro

    Ler mais

  • 25 de agosto Brizola cadeia da legalidade

    Como Brizola adiou o golpe militar após a renúncia de Jânio Quadros

    Em 25 de agosto de 1961, Jânio Quadros renunciou à Presidência da República. O abandono do cargo por Jânio jogou o país no colo dos militares. Graças à atuação do governador do Rio Grande do Sul na época, Leonel de Moura Brizola, os planos de golpe dos setores conservadores do país foram adiados. Infelizmente, a tomada do poder pelos militares aconteceu dois anos e

    Ler mais

  • 3ª Conversa Pública da Clínica do Testemunho

    No dia 28 de agosto, às 20 horas, acontecerá a terceira conversa pública da Clínica do Testemunho, do Instituto Sedes Sapientiae. O evento discutirá a Lei da Anistia, os próximos passos da Clínica além de outros assuntos. A Clínica do Testemunho é uma parceria do Instituto com a Comissão da Anistia do Ministério da Justiça e atende anistiados políticos afetados direta ou indiretamente

    Ler mais

  • Saudades dos tempos orgiásticos

    Em uma de suas poucas entrevistas, o jornalista Ivan Lessa explicou um dos motivos de seu auto-exílio em Londres. Ele tinha medo da realidade destruir suas memórias da joie de vivre desfrutada no Rio nas décadas de 60 e 70: “eu era feliz e sabia, aquilo era de uma intensidade orgiástica”. Me contamino de saudosismo e imagino um tempo em que jornalistas não

    Ler mais

  • A obscena senhora silêncio

    A busca de uma trincheira em que se viva literatura. Além de seus livros, sempre me fascinou a atitude de Hilda Hilst, que, aos 33 anos, abandonou Sampa e rumou para sua Casa do Sol, há 10 quilômetros de Campinas, um verdadeiro refúgio para a criação artística como profissão de fé. Hilda viveu lá por décadas rodeada por 30 cachorros e gatos e

    Ler mais

  • A resistência de jornalistas na ditadura

    O curta-documentário Imprensa Paulista na Ditadura (1964-1985) dá voz a algumas figuras do jornalismo paulista, como Raimundo Rodrigues Pereira e Bernardo Kucinski, que sofreram nas redações os anos de chumbo da Ditadura Militar. Produzido pelos alunos do curso de comunicação da FITO (Faculdade Instituto Tecnológico de Osasco), o vídeo demonstra o interesse de jovens estudantes na história de resistência de abnegados jornalistas contra

    Ler mais

  • O filme que ninguém viu

    A novela do filme Chatô do ator-diretor Guilherme Fontes teve início há 18 anos. Durante esse período, houve de tudo um pouco: condenações judiciais, promessas repetidas de estreia do filme, cifras contraditórias do orçamento do filme e, sobretudo, uma das produções mais demoradas da história do cinema. O não-filme de Fontes adapta a genial biografia Chatô, o Rei do Brasil (1994), do escritor

    Ler mais