• Nossas veias ainda não cicatrizaram

    Perdemos o escritor uruguaio Eduardo Galeano. Ele morreu hoje pela manhã em hospital de Montevidéu aos 74 anos. Galeano é, junto com o brasileiro Darcy Ribeiro, daqueles poucos intelectuais que nos clareiam o caminho no entendimento de nossas mazelas, latinos do hemisfério sul. Cabe a nós buscarmos as saídas com a ajuda deles. Nesse momento, mais do que nunca. Inevitável dizer que seu

    Ler mais

  • billie holiday 1958

    Sem mais frutas estranhas

    Nos anos 30, o professor e poeta Abel Meeropol lecionava na Dewitt Clinton High School em Nova Iorque e não conseguia esquecer a foto de Thomas Shipp e Abram Smith, dois jovens negros linchados e dependurados em uma árvore no estado de Indiana. Com a imagem na cabeça, Meeropol escreveu o poema “Strange Fruit”, que foi publicado no jornal do colégio. Anos mais

    Ler mais

  • Leila Diniz, foto de David Drew Zingg

    Toda mulher é meio Leila Diniz*

    1969 – Hermelina, Hermé para os mais chegados, casou virgem. Impaciente, ela aguarda seu marido no sofá da sala com o jantar servido na mesa, levanta, desliga a TV e volta a se sentar com o abusado hebdomadário Pasquim nas mãos. Na capa, a foto da atriz da última novela que assistiu com uma toalha na cabeça. Hermé lê a entrevista da atriz,

    Ler mais

  • O poema de Jack Kerouac para Charlie Parker

    Bird – Apaixonado pelo bebop, ritmo criado pelo revolucionário Charlie ‘Bird’ Parker e sua turma nos anos 40, o escritor Jack Kerouac homenageou seu ídolo com a gravação musicada do poema ‘Charlie Parker’ em 1957. Na gravação, Kerouac declama o poema acompanhado no piano por Steve Allen. Em 1959, o escritor reuniu esse poema a outros no disco Poetry for the Beat Generation.

    Ler mais

  • 4 de março goldman sachs foto 1

    Goldman Sachs e o fanatismo pelo Deus Dinheiro

    Em recente entrevista, o filósofo italiano Giorgio Agamben afirmou que “Deus não morreu, ele se tornou dinheiro”. A sacada de Agamben não saiu de minha cabeça enquanto assistia ao documentário “Goldman Sachs, o banco que dirige o mundo” de Jérôme Fritel e Marc Roche. O filme narra como o banco de investimentos Goldman Sachs mistura-se às engrenagens dos Estados nacionais como um parasita

    Ler mais

  • óscar romero arcebispo el salvador

    Papa Franciso autoriza beatificação do bispo salvadorenho Óscar Romero

    O Papa Francisco aprovou na semana passada decreto para a beatificação do arcebispo salvadorenho Óscar Arnulfo Romero, religioso da Teologia da Libertação que rebelou-se contra as injustiças da dura guerra civil que seu país enfrentou entre 1980 e 1992. O conflito deixou triste saldo de 75 mil mortos e 1,5 milhão de refugiados, à época El Salvador contava com cerca de 5 milhões

    Ler mais

  • 12 de fevereiro músico Pixinguinha-em-foto-Walter-Firmo foto 1

    Pixinguinha morreu como um santo

    O músico Pixinguinha, aos 75 anos, entrou na Igreja Nossa Senhora da Paz, em Ipanema, para batizar o filho de um amigo. Ao chegar perto do altar, sentiu-se mal, teve um enfarte fulminante e morreu em poucos minutos. Albino Pinheiro, comandante da lendária Banda de Ipanema, que desfilava pelas ruas do Rio naquele dia, soube do ocorrido e comandou uma versão de Carinhoso, composição

    Ler mais

  • 10 de fevereiro reacionários foto 2

    O cordão dos hipócritas

    Ele adora repetir a piada que a única saída para o Brasil é o aeroporto em festinhas em bufê infantil, pior, consegue risadas da maioria. Outro dia proibiu sua empregada doméstica de comer seus queijos importados na geladeira. Ele sempre avisa Rose, esse é o nome da empregada, que se ela manchar suas camisas azuis importadas com gola branca vai descontar de seu

    Ler mais

  • aldoux huxley morte

     Huxley em sua última viagem

    Huxley – Sempre me intrigou o que o escritor inglês Aldous Huxley viu do outro lado quando morreu aos 69 anos e chegou do lado de lá chapado de ácido e preparado para uma verdadeira iluminação espiritual. Acamado pelo câncer, sua segunda esposa Laura lia para ele o manual de Timothy Leary baseado no Livro Tibetano dos Mortos, que apronta os moribundos para

    Ler mais

  • debret escravo muçulmano

    A revolta dos escravos muçulmanos em 1835 na Bahia

      Revolta dos malês – Em janeiro de 1835, os escravos malês, de origem islâmica, organizaram um levante em Salvador. Na língua iorubá, muçulmano é imale, que foi aportuguesado para malê. A maior parte dos escravos na Bahia era muçulmana e eles eram cristianizados, chegando até a serem batizados à revelia. Os malês costumavam pendurar ao pescoço um pequeno saco contendo pedaços de

    Ler mais

  • joão antônio jornalista

    Dez desabafos do escritor João Antônio

    Escritor João Antônio – O jornalista Mylton Severiano foi grande amigo do escritor João Antônio. Durante anos, os dois se corresponderam. Com base em seus arquivos e lembranças, Myltainho, como era conhecido o jornalista que morreu em maio do ano passado, publicou em 2005 o livro “A Paixão de João Antônio”. O livro é um verdadeiro mergulho na alma do genial João Antônio,

    Ler mais

  • anais nin e henry miller

    O encontro entre Anais Nin e Henry Miller

     “Ele pede para me ver novamente. Quando espero na poltrona de seu quarto, e ele se ajoelha para me beijar, é mais estranho do que todos os meus pensamentos. Com sua experiência ele me domina. Domina com sua mente, também, e fico calada. Sussurra para mim o que meu corpo deve fazer. Eu obedeço, e novos instintos são despertados em mim. Ele me

    Ler mais

  • quadro de Oswald de Andrade

    Chamada a cobrar de 50 centavos para Oswald de Andrade

    No início deste ano 459 do calendário antropofágico, escrevo para Oswald de Andrade aqui de sua calorenta São Paulo em que “sibaristas continuam em sua farra ora em palácio no Jardim América ora no de Campos do Jordão, e têm garantida uma poltrona no céu”. Chegamos à soma de 459 contando a partir de 1556, quando o primeiro bispo brasileiro, o Sardinha, foi

    Ler mais

  • castelo branco e octavio frias de oliveira

    O apoio da grande mídia ao golpe de 64

    Golpe de 64 – Além de criar o clima de pânico, em especial na classe média, que passou a aceitar a quebra do Estado democrático, a imprensa apoiou o golpe de 1964 de maneira quase unânime. O livro Cães de Guarda – jornalistas e censores, do AI-5 à Constituição de 1988, da historiadora Beatriz Kushnir, lançado em 2004, e infelizmente pouco conhecido, pesquisou

    Ler mais

  • stuart angel morte

    Relatório da Comissão da Verdade pode revelar localização do corpo de Stuart Angel

    A Comissão Nacional da Verdade acaba de entregar seu detalhado relatório à presidenta Dilma Rousseff. A comissão identificou 377 responsáveis por crimes durante a ditadura militar (1964/1985) após dois anos e sete meses de trabalho. Uma das muitas revelações do relatório pode ser o paradeiro do corpo do militante Stuart Angel, morto sob tortura em maio de 1971, aos 26 anos. Segundo depoimento

    Ler mais

  • inauguração usina itaipu

    Corrupção na construção da usina de Itaipu pode ter motivado a morte do embaixador José Jobim

    O Instituto João Goulart encaminhou no final de novembro denúncia ao Ministério Público Federal do Rio de Janeiro sobre a suspeita de que o embaixador José Jobim foi assassinado por agentes da ditadura militar em março de 1979. Poucos meses antes de sua morte, o embaixador declarou para políticos em Brasília que escrevia suas memórias em que denunciaria o esquema de corrupção na

    Ler mais

  • protestos seattle omc 1999

    O mundo despertou do pesadelo neoliberal em Seattle

    Em 30 de novembro de 1999, ministros e políticos de 135 países foram convidados para a chamada Rodada do Milênio, terceiro encontro mundial da OMC (Organização Mundial do Comércio) em Seattle (EUA). Só não contavam com a presença de 50 mil manifestantes, que não precisaram de convite, para clamar por uma economia mais solidária durante os quatro dias do encontro, que pretendia estabelecer as

    Ler mais

  • 15 anos sem plinio marcos

    Perdi a chance de comprar livros das mãos de Plínio Marcos

    Plínio Marcos – No comecinho dos anos 90, encontrei algumas vezes um barrigudo barbado vendendo seus livros em frente aos teatros do Bixiga. Intrigado e com vontade de conversar com o camelô literário de boina, me arrependo de ter ficado na minha. Naquela época, confesso que sabia pouco sobre ele. Algum tempo depois de perder a chance de comprar os livros de Plínio

    Ler mais

  • balada literária 2014

    Literatura também é balada

    Entre os dias 19 e 23 de novembro, a 9º Balada Literária ocupará vários espaços culturais da cidade de São Paulo. Neste ano, a festa literária homenageará a escritora Carolina Maria de Jesus no ano de seu centenário de nascimento e o dramaturgo Plínio Marcos. No dia 19 de novembro, completam-se 15 anos da morte do escritor santista. Tanto Plínio, com seu teatro

    Ler mais

  • 13 de novembro GRACILIANO RAMOS foto 1

    Graciliano Ramos resume a Proclamação da República

    “Deposto o ministério, Deodoro andou na cidade, obteve adesões e no Arsenal de Marinha foi bem recebido pelo chefe de divisão Eduardo Wandenkolk e pelo barão de Santa Marta, ajudante-general da Armada. Na Câmara Municipal José do Patrocínio fez um discurso. D. Pedro II veio de Petrópolis e tentou organizar um novo ministério, o que não foi possível. No dia 16 SM [Sua

    Ler mais

  • 6 de novembro o jejum de são astraate stephan doitschinoff 2010 foto 1

    O sagrado e o profano na arte de Stephan Doitschinoff

    Em sua mistura de religiosidade, erotismo e arte urbana, o trabalho de Stephan Doitschinoff, apelido Calma, surge como um sopro de criatividade entre os novos artistas plásticos brasileiros. Em meio aos muitos embustes da arte contemporânea, esse artista de sobrenome impronunciável nascido em São Paulo em 1977 consegue imprimir uma visão única tanto nas galerias de arte como nas ruas. Entre 2005 e 2008, o

    Ler mais