• O fascista mora ao lado

    COLABOROU ISABELA GAMA   A LIVE POLÍTICA ZONACURVA do último dia 10 de fevereiro (quinta) contou com a presença do editor Zonacurva Fernando do Valle, Luís Lopes do Portal VISHOW e o advogado Roberto Lamari. O debate foi acerca dos recentes acontecimentos envolvendo falas fascistas e neonazistas. No último dia 7 de fevereiro, o apresentador Bruno Aiub, conhecido como Monark, defendeu a criação

    Ler mais

  • leonel brizola biografia

    Brizola, 100 anos

    Brizola – De tudo o que se fala sobre Brizola pouco se diz de sua práxis anticapitalista, anticolonial e nacionalista. Esse ano, ao celebrar os  100 anos de seu nascimento, as lembranças, na mídia comercial, ficaram na superfície, sem apontar suas ações decisivas no sentido de garantir a soberania do povo brasileiro. Aqui reunimos algumas ações de Leonel Brizola antes do golpe de

    Ler mais

  • semana de arte moderna

    Há um século, o modernismo atropelou o conservadorismo e abriu as portas ao progresso

    Semana de Arte Moderna – O modernismo europeu antecedera em mais de uma década o nosso pensar moderno. Na verdade, o princípio do século XX coincidira com o colapso da cultura europeia tradicional. Tal qual nos dias sombrios em que vivemos, a palavra também parecia desraigada da verdade, as imagens perdiam sua coerência e os símbolos sua transcendência. O modernismo europeu, entretanto, havia

    Ler mais

  • #Ocupapolítica: por mais mulheres na política

    #Ocupapolítica – Apesar da luta por equidade de gênero na política, as eleições de 2018 revelaram que o país ainda está distante de chegar a um patamar satisfatório. Na Câmara dos Deputados, por exemplo, apenas 15% dos eleitos são mulheres. Essa discrepância corresponde à implementação tardia de políticas públicas que promovem maior integração feminina. Em entrevista ao Zona Curva, a deputada estadual Monica

    Ler mais

  • A escravidão brasileira na Holanda e em Pernambuco

    Escravidão – Para a nossa própria história e do Nordeste do açúcar, em especial, para o que em Gilberto é prosa encantatória, a realidade de escravos assassinados, enquanto a rotina do engenho seguia. Tudo isso é tão Brasil, amigos. Artigo na Folha de São Paulo informa que o Brasil sustentou luxo de escravocratas holandeses, cujos retratos são mostrados em exposição na Holanda. De

    Ler mais

  • “Vai trabalhar, vagabundo!”

    I. O Malandro.  Nos compêndios de economia política, numa sociedade onde o modo de produção capitalista é hegemônico, existem duas classes, dois importantes agentes de produção antagônicos: o capital (que detém os meios de produção) e o trabalho (força laboral dos trabalhadores). Com a intensificação da industrialização nos anos 1930, uma grande massa de trabalhadores migra do campo para a cidade nas áreas urbano-industriais, onde

    Ler mais

  • Brasil: segue o “bonde” da destruição

    7 de setembro – O presidente do país segue governando na lógica do factoide, imitando seu ídolo Donald Trump. Parece não ter se dado conta do que aconteceu lá na matriz que tanto ama. A tática do factoide não deu certo. Trump foi derrotado fragorosamente. Por aqui, os marqueteiros do presidente continuam incentivando a mesma toada que, ao que parece, só serve mesmo

    Ler mais

  • protestos indíos brasiília

    Pelos direitos dos povos originários

    Com colaboração de Carolina Raciunas  O CONVERSA AO VIVO ZONA CURVA  do dia 2 de setembro contou com a participação da líder indígena, antropóloga e coordenadora geral da União das Mulheres Indígenas da Amazônia Brasileira, Telma Taurepang, e do jornalista e ambientalista Felipe Milanez. Eles conversaram com Fernando do Valle (editor do Zonacurva), Luís Lopes (editor do Vishows) e o advogado Roberto Lamari

    Ler mais

  • Ricardo Lísias e a catástrofe em curso no Brasil

    Com colaboração de Carolina Raciunas  No CONVERSA AO VIVO ZONACURVA do dia 27 de agosto (sexta-feira), o escritor Ricardo Lísias conversou com Fernando do Valle (editor do Zonacurva), Luís Lopes (editor do Vishows) e o advogado Roberto Lamari sobre seus mais recentes livros lançados e a tragédia política, social e sanitária provocadas pelo atual governo. O autor de “Catástrofe Brasileira ano I –

    Ler mais

  • trabalho marx

    A desumanização do trabalhador

    por Elaine Tavares Desumanização trabalhador – Para o capital, o trabalhador é um não-ser. E, não sendo, não precisa de cuidado, nem de nada. Sua função, nesse modo de produção, é gerar lucro para um grupo muito pequeno da sociedade. E ponto final. Se ele morre, outro o substitui. É uma peça na máquina. Uma mercadoria, como outra qualquer, que pode ser adquirida

    Ler mais